O Que Levar em Consideração na Hora de Comprar um Apartamento

Uma das minhas metas de vida antes dos 30 anos era conseguir comprar um imóvel só meu para que eu pudesse finalmente sair da casa dos meus pais. Não que eu tenha alguma coisa para reclamar da mordomia que é morar com eles, muito pelo contrário, hehehe, mas quando a idade vai chegando, chega junto a vontade de ter um canto só nosso, do nosso jeitinho…

Um mês antes de virar balzaquiana, eu finalmente pude realizar esse sonho! =)

E como eu conheço muita gente que está procurando apartamento pra comprar, mas tem inúmeras dúvidas antes de fechar um negócio tão importante como esse, resolvi juntar a minha experiência de vida com a minha pouca experiência como arquiteta pra tentar ajudar nessa hora crucial.

Na verdade, é mais simples do que a gente imagina! É questão de elencar alguns parâmetros segundo suas prioridades. E na minha opinião, as prioridades são essas citadas abaixo, da mais importante pra menos importante:

METRAGEM

Antes de mais nada, é preciso ter em mente quantos anos você se vê morando no primeiro imóvel que irá adquirir. Caso planeje comprar só para viver sozinho ou mesmo durante o início do casamento, o apartamento não precisa ser enorme, caso contrário, só irá aumentar o custo e dar mais trabalho pra cuidar. Mas caso você queira fazer um investimento pra vida, comprar um cantinho onde planeja criar seus filhos, o ideal é que o tamanho do apartamento seja compatível com seu planejamento.

LOCALIZAÇÃO

Fiquei caçando apartamentos por pouco mais de um ano a partir do momento que eu defini a metragem ideal para o meu planejamento. Em São Paulo ocorreu um verdadeiro boom de lançamentos imobiliários, então foi muito fácil achar algo com o tamanho que eu estava procurando, porém eu sempre ficava receosa com a localização dos empreendimentos. Uma coisa que eu aprendi com a vida: a gente pode adorar o apartamento, adorar o empreendimento, mas caso a gente não esteja feliz com o entorno, dificilmente vamos querer continuar morando no local por muito tempo! Preste MUITA atenção nos arredores: é uma área sujeita a alagamentos? É um local perigoso? Tem muito trânsito? É um local barulhento? Os outros prédios existentes comprometem a insolação do prédio em questão? Caso tenha respondido sim a alguma dessas questões, é melhor dar uma olhada em outras possibilidades…

PREÇO

Pra muitas pessoas, esse é o principal parâmetro na hora de comprar um imóvel, mas eu definitivamente coloco ele depois dessas duas outras prioridades. Porque afinal, de que adianta pagar barato um apartamento que fica em uma rua que alaga dia sim e dia também? Ou de que adianta financiar um apartamento pequeno e barato por 10 anos se você pretende se mudar e aumentar a família antes de terminar de pagá-lo? É claro que ninguém precisa sair pagando a primeira oferta que a construtora vai fazer, especialmente em uma época onde os preços dos imóveis ainda estão muito inflados… Tenha em mente qual a média do preço por metro quadrado na sua região, se você achar algo que te agrade por menos da média, vai que é tua!!! Hehehe!!!

PROJETO

A partir do momento que você define a metragem de acordo com o seu planejamento de vida, você precisa definir quantos dormitórios e banheiros serão necessários para o tempo que você pretende morar no seu novo apartamento. Além disso, qual é seu hobby? Se você adora receber muitos amigos e adora cozinhar pra eles, talvez seja legal comprar alguma coisa que possibilite a construção de uma cozinha americana. Se você faz muita questão de um local para seus filhos brincarem, procure por apartamentos com varandas mais amplas, hoje em dia é o que mais tem no mercado!

Mas o mais importante de tudo é a insolação do apartamento: evite a qualquer custo fachadas voltadas para o sul! Você terá sol no seu apartamento por pouquíssimas horas por dia, e o resultado vai ser um só: mofo! Dê preferência às outras insolações, especialmente para a fachada norte! Pode ter certeza que terá sol batendo nas suas janelas o dia todo! =)

A planta do meu apartamento é essa aí embaixo! Comprei um apartamento de 77 m² porque pretendo passar boa parte da minha vida morando nele! Optei por um projeto com 3 dormitórios porque eu tenho muita, mas muita roupa, hehehe, e vou transformar um dormitório em closet, o outro ficará para as futuras crianças… Não quis cozinha americana porque eu moro em apartamento desde que eu nasci, e eu sei como a cozinha pode encher de fumaça às vezes, e eu definitivamente não quero essa gordura na minha sala. A fachada da varanda é oeste, que pega o sol a partir do meio dia, e a fachada do dormitório de casal é norte, que bate sol o dia todo!

Planta

SISTEMA CONSTRUTIVO

Muita gente nem sabe do que se trata, mas também é um parâmetro muito importante na hora de escolher um apartamento.

No Brasil, a grande maioria dos empreendimentos são construídos com o sistema construtivo convencional, que é pilar+viga+laje em concreto armado e alvenaria de vedação. A vantagem desse sistema é que você pode sair quebrando paredes a Deus dará, porque elas não fazem parte da estrutura do prédio. Se você adora mudar o layout dos projetos, se pretende demolir paredes, se é a louca das tomadas e quer multiplicar por 5 o número de tomadas que a construtora entrega, se não dispensa aquele famoso nicho na parede do banheiro, ou mesmo se pretende abrir rasgos nas paredes para novos pontos hidráulicos ou para instalação do ar condicionado, esse é o seu sistema construtivo!

Alvenaria Estrutural x Concreto Armado

Alvenaria Estrutural x Concreto Armado

Mas um novo sistema construtivo está fazendo sucesso recentemente, por ser mais rápido e mais barato, a alvenaria estrutural! Como o nome já diz, a própria parede é a estrutura do prédio, que sustenta os “x” andares acima de você. Desse modo, não é possível abrir nem um buraco na parede, muito menos rasgos, e muito menos ainda demolir alguma delas! Esse sistema construtivo não permite alterações no layout, correndo o risco do prédio desabar na sua cabeça!

Pergunte ao corretor qual o sistema construtivo do seu empreendimento antes de fechar a compra! Evitará surpresas desagradáveis caso você queira muito personalizar o seu projeto!

VAGAS NA GARAGEM

Tem coisa mais chata do que procurar vaga na rua? E quando a rua tá sempre lotada então? Um jeito inteligente de se livrar desse martírio é ter em mente quantos carros você utiliza ou utilizará quando for morar no seu apartamento, e saber de antemão quantas vagas por apartamento o empreendimento disponibiliza, ou mesmo se ele colocará a disposição dos moradores vagas extras para comercializar posteriormente.

ÁREA DE LAZER

Na minha opinião, o menos importante dos parâmetros devido a minha experiência de vida. Vou contar: quando vim visitar o empreendimento que eu moro hoje com meus pais, fiquei empolgadíssima com o fato do condomínio possuir piscina aquecida, salão de festas, salão de jogos, sauna, academia, quadra, churrasqueira, etc etc etc… Com certeza foi o que mais motivou meus pais a fechar negócio. E morando aqui a um pouco mais de 6 anos, dá pra contar nos dedos quantas vezes eu usei cada espaço pelo qual eu estou pagando manutenção… Claro que eu conheço muita gente aqui no condomínio que desce pra piscina todo dia e usa a academia do prédio religiosamente, mas não é meu caso! Por isso você deve avaliar o seu perfil, e ter em mente se você terá realmente tempo pra usufruir tudo aquilo que seu condomínio disponibiliza (e cobra) a você!

 

Ufa, que post enorme! Mas espero que vocês tenham gostado das dicas, e que elas tenham sido úteis!

Boa sorte e parabéns por esse passo tão importante!!!

Anúncios

Um comentário sobre “O Que Levar em Consideração na Hora de Comprar um Apartamento

  1. Adorei este post….Impressionante como ter uma irmã arquiteta me ajudou a compreender e levar em consideração tudo o que você explicou. Eu tive a oportunidade de comprar um apê com 25 anos na época o objetivo era morar perto do trabalho e pegar menos trânsito.Sofri muito com a região (tinha muito trânsito e favela). Decidi vender e agora comprei outro, levo mais tempo para chegar ao trabalho mas me sinto no paraíso. Este também é um local que pretendo passar pelo menos uns 10 anos, e levei em conta a metragem, as garagens e a possibilidade de quebrar paredes :o) No outro eu não podia… Eu também não me importo com o lazer “exagerado” nos condomínios clubes, acho que isso só trará mais gastos e dor de cabeça. Parabéns pela conquista… Seja muito feliz no novo apê.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s